Acessibilidade

Detran-AM aplica 159 multas durante operação integrada

Por determinação do governador Wilson Lima, os órgãos do sistema de segurança pública do Amazonas deflagram, na manhã desta segunda-feira (13/01), uma operação integrada em toda a capital que resultou no aumento de ações de repressão ao crime. Entre a manhã e o início da tarde, nove infratores foram presos na cidade, durante o trabalho de abordagem das polícias.

Durante a operação, o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) aplicou 159  multas durante fiscalizações de trânsito realizadas nos bairros do Novo Aleixo, Cidade Nova e Mauazinho.

As equipes do Núcleo Especializado em Operação de Trânsito (Neot) se concentraram em três pontos fixos da cidade. Durante as ações, foram abordados 321 veículos. Desses, 34 foram recolhidos ao parqueamento do órgão pelas mais diversas irregularidades. Também foram recolhidas seis Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) e 34 Certificados de Registro de Licenciamento de Veículo (CRLV). 

A operação é coordenada pelo secretário de Segurança, coronel Louismar Bonates, e envolve Polícia Militar, Polícia Civil e Detran-AM. Cada órgão ocupará uma região da cidade com ações específicas e finalidades específicas.

A ação deve se estender por toda a semana, com barreiras de fiscalização e incursões em regiões vermelhas para apurar denúncias de tráfico de drogas.

Neste primeiro dia, além do efetivo ordinário já previsto, a capital conta com o reforço policial nas ruas de cerca de 500 policiais civis e militares e agentes do Departamento
Estadual de Trânsito.

Prisões e apreensões – Nove pessoas já foram presas durante as ações desencadeadas pelos órgãos do sistema de segurança. No Mauazinho, dois homens foram detidos portando trouxinhas de substância entorpecente, outros dois homens foram detidos dirigindo motocicletas com restrição de roubo e uma quinta pessoa foi detida por cometer direção perigosa.

Na avenida Torquato Tapajós, um homem foi preso e um adolescente foi apreendido minutos depois de cometerem assalto a um coletivo. O motorista relatou aos policiais que efetuaram a prisão que a dupla e outro infrator subiram no executivo em um terminal de ônibus do Centro da cidade e anunciaram o assalto na avenida Torquato Tapajós, nas proximidades do Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz.

Durante a fuga, dois infratores se depararam com os policiais militares que fazem parte da operação integrada. A dupla foi presa e encaminhada ao 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Quatro motocicletas com restrição de roubo também foram recuperadas durante a operação no Mauazinho. No Monte das Oliveiras, um homem foi detido e uma motocicleta adulterada foi apreendida.