Acessibilidade

Educação no Trânsito

MISSÃO

Promover no Estado da Amazonas um trânsito seguro e humanizado potencializando a educação e a cidadania, visando, sobretudo, a preservação da vida.
Valores:

  • Respeito aos cidadãos
  • Ética
  • Compromisso
  • Responsabilidade Social

 

CAMPANHAS

Atendendo às determinações do Artigo 75, Parágrafo 1º do Código de Trânsito Brasileiro que considera que os órgãos de Trânsito deverão promover ações educativas no âmbito de sua circunscrição e de acordo com as particularidades locais.

Entre outras campanhas destacam-se:

LEI SECA – O projeto intitulado “Lei Seca” integra o Programa de Segurança no Trânsito do DETRAN-AM. Antes de sua implantação, as estatísticas indicavam que os números de acidentes e mortes no trânsito, causados pelo uso indiscriminado do álcool na direção de veículos, crescia assustadoramente. Esta lei surge para inibir comportamentos imprudentes.

Com a tolerância “zero”, confirma-se que a fiscalização atuante atinge um resultado significativo, por este motivo, a Lei Seca passa a ser o carro chefe em todas as atividades realizadas pelo Órgão, para inibir comportamentos imprudentes.

CARNAVAL – Época festiva, momento em que a seriedade do dia a dia dá lugar a brincadeira, à descontração, à liberdade de expressão, onde a fantasia impera sobre a realidade. Período de muita euforia em que o exagero anda lado a lado do perigo. Perigo este que está presente inclusive no trânsito.

Durante as festas do reinado de momo é realizada uma campanha voltada, sobretudo, ao condutor, responsável pela direção do veículo e ator principal do trinômio HOMEM – BEBIDA – TRÂNSITO, em que num acidente pode ser tanto a vítima como o causador, podendo vitimar, inclusive, os pedestres.

VOLTA ÀS AULAS – Tempo em que as escolas recebem de volta seus alunos, crianças, adolescentes, jovens e adultos. Muitos vão a pé, outros de condução escolar, ônibus, ou com os pais em seus carros.

Período que marca o retorno de grande concentração de pessoas e veículos, ocasionando congestionamento, do trânsito, em frente às escolas.

Deste modo a campanha possibilita aos alunos, pais e responsáveis, orientações de segurança no trânsito, na tentativa de evitar acidentes ou pelo menos, que haja a redução dos níveis de acidentalidade e fatalidade nas vias.

PÁSCOA – Tempo de fé e renovação cristã. Nessa época do ano nota-se uma intencionalidade de mudança de comportamento, onde as pessoas estão mais propensas a atitudes de solidariedade, fraternidade e generosidade. Mas é comum no feriado prolongado a população se deslocar para a área rural, sítios, municípios vizinhos e até outros estados, através de vias municipais e estaduais. Havendo necessidade de uma mobilização para sensibilizar a comunidade para as questões de segurança, respeito, educação e especial atenção às normas de trânsito, como velocidade adequada à segurança, ultrapassagens com atenção e o uso de equipamentos obrigatórios, as atividades educativas envolvem ações em todas as entradas e saídas da capital do estado, com ênfase para os acessos de maior movimento como é o caso da Ponte Jornalista Phelippe Daou e a barreira de acesso a BR 174 e AM 010.

NATAL – No mês de dezembro há um aumento do ir e vir das pessoas, por conta das compras de natal. Automaticamente, o fluxo de veículos é maior, ocasionando mais momentos de congestionamento na cidade, principalmente, nos centros comerciais, shoppings e nas principais vias de acesso a esses ambientes.

Nesta época é realizada blitz educativas visando conscientizar os usuários das vias acerca de valores e posturas de convivência social mais humana e solidária, possibilitando a paz esperada e desejada nos votos de FELIZ NATAL!

 

FESTAS CULTURAIS

Festival Folclórico de Parintins

Durante os dias que antecedem o festival, a cidade de Parintins que fica a 369Km da capital, cujo acesso é somente de barco ou avião, já começa a ser “dominada” por turistas brasileiros e estrangeiros, resultando num significativo aumento da população, além de um conturbado trânsito disputado por condutores de veículos motorizados, sobre tudo motos e não motorizados, como é o caso dos triciclos, além de pedestres e animais. O consumo de bebidas alcoólicas somado ao ato de dirigir é outra questão combatida exaustivamente, através da Lei Seca.

Festa do Cupuaçu

O acesso ao município de Presidente Figueiredo ocorre pela rodovia BR 174, tornando necessária blitz de fiscalização e educação na barreira e no município, para melhoria do fluxo e seguridade do trânsito.

 

PALESTRAS

DETRAN NAS ESCOLAS – Atendimento às escolas públicas e particulares com apresentação do teatro de fantoches para educação infantil, ensino fundamental 1 e com palestras direcionadas ao Ensino Fundamental 2 e Ensino Médio. São ministradas também, palestras aos alunos a partir de cursos superiores com tema direcionado ou escolhido pela instituição.

DETRAN NAS EMPRESAS – Atendimento com palestras às empresas do pólo industrial e demais empresas, com assunto previamente escolhido pelo solicitante e com estande de distribuição de material educativo e informações.

 

CURSOS

A Gerência de Educação para o Trânsito é responsável pelos seguintes cursos:

CURSOS ESPECIALIZADOS/ PRÉ-REQUESITOS

CURSO DE RECICLAGEM PARA CONDUTORES INFRATORES

Destinado a condutores habilitados que estão com a C.N.H. apreendida.

CURSO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE EMERGÊNCIA

  • Ser maior de 21 anos;
  • Estar habilitado em uma das categorias “A”, “B”, “C”, “D” ou “E”;
  • Não ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima ou ser reincidente em infrações médias durante os últimos 12 (doze) meses;
  • Não estar cumprindo pena de suspensão ou cassação do direito de dirigir.

CURSO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE TRANSPORTE ESCOLAR

  • Ser maior de 21 anos;
  • Estar habilitado, no mínimo, na categoria “D”;
  • Não ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima ou ser reincidente em infrações médias durante os últimos 12 (doze) meses;
  • Não estar cumprindo pena de suspensão ou cassação do direito de dirigir.

CURSO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE TRANSPORTE COLETIVO DE PASSAGEIROS

  • Ser maior de 21 anos;
  • Estar habilitado, no mínimo, na categoria “D”;
  • Não ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima ou ser reincidente em infrações médias durante os últimos 12 (doze) meses;
  • Não estar cumprindo pena de suspensão ou cassação do direito de dirigir.

CURSO DE ATUALIZAÇÃO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE TRANSPORTE DE ESCOLARES

Ser certificado no CURSO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE TRANSPORTE ESCOLAR

CURSO DE ATUALIZAÇÃO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE EMERGÊNCIA

Ser certificado no CURSO PARA CONDUTORES DE VEÍCULO DE TRANSPORTE DE EMERGÊNCIA

CURSO DE ATUALIZAÇÃO PARA CONDUTORES DE VEÍCULOS DE TRANSPORTE COLETIVO DE PASSAGEIROS

Ser certificado no CURSO PARA CONDUTORES DE VEÍCULO DE TRANSPORTE COLETIVO DE PASSAGEIROS

 

CURSOS NÃO ESPECIALIZADOS:

MECÂNICA DE SALTO ALTO

Curso básico de mecânica de veículo automotor, destinado somente a mulheres a partir dos 18 anos de idade, habilitadas ou não.

  • Cópia: RG e CPF
  • Ser maior de 18 anos

CAPACITAÇÃO PARA MONITOR DE TRANSPORTE ESCOLAR

  • Cópia: RG, CPF, comprovante de residência.
  • Ser maior de 18 anos
  • Ter ou estar cursando o Ensino Fundamental 2 (declaração ou cópia do certificado)
  • Atestado de antecedentes criminais validado, no próprio site da Polícia Federal (http://www.pf.gov.br)

 

INFORMAÇÕES E SOLICITAÇÃO DE PALESTRAS PARA EMPRESAS, ESCOLAS E INSTITUIÇÕES EM GERAL

  • Telefone: (92) 3236-5999
  • E-mail: educacaodetransito@detran.am.gov.br